Dinâmica: o que tenho feito?

Olá minha irmã, conforme havia dito, hoje estarei dando exemplos de dinâmicas de reflexão antes de ministrar sobre a vida de Abigail. Também haverá uma de encerramento.

Desde já ressalto que essa é apenas a ideia central, pois tenho certeza que, o Senhor te iluminará para incrementar em algo melhor ainda.

PRIMEIRA DINÂMICA

Material necessário:

Uma caixa( pode ser em formato de coração, ou um bem bonita com fitas tipo um presente, ou até mesmo um baú bonito. É necessário que tenha tampa. Frases dentro da caixa.

Frases digitadas em tiras com letras maiores (pode ser tamanho 30)

Desenvolvimento:

  • A caixa já estará em uma mesa com as frases dentro desde o início do evento.
  • Segurar a caixa e dizer: Antes de iniciarmos, primeiro vamos fazer uma reflexão. Para isso eu tenho essa caixa. Vocês acharam essa caixa bonita? Imaginem, se a caixa é bonita assim, imaginem o presente que que tem dentro dela, deve ser algo muito especial… Inclusive depois de pegar o presente dá ate pra gente usar pra outras coisas.
  • Na verdade essa caixa está aqui representando nossa vida e o que temos dentro de nós enquanto servas do Senhor!
  • As caixas representam nosso lado bonito, que as pessoas enxergam… Na verdade por dentro somente nós e o Senhor sabemos como reagimos as adversidades.
  • Como será que eu sou? Como sou por fora e como sou de verdade por dentro? Será que tenho aplicado o que o Senhor tem ensinado nos cultos… e em reuniões como essa? Como tem sido minha experiência com o Senhor? Ou será que passa ano após ano continuo a mesma mulher? Será que reajo sempre da mesma forma? Como meu marido me vê? Como meus filhos me veem? E na igreja? E meus pais me acham nervosa? E nos outros lugares? Será que tenho levado Jesus através das minhas atitudes? Será que eu semeio a paz por onde passo?
  • Após esses questionamentos, você vai abrir a tampa da caixa e pedir para cada um pegar uma tira. As tiras podem conter varias frases boas com papel de outra cor e frases ruins. Ou você pode pedir para apenas a quantidade de mulheres correspondentes ao número de frases peguem uma frase. Seguem os exemplos de frases ruins:
  • 1- Quando estou com muita fome, estou com uma coxinha deliciosa na mão meu filho passa e esbarra na minha mão. A coxinha cai. Qual é a minha reação?
  • 2- Arrumei a casa toda, ficou tudo lindo e impecável. Deixo meu marido e filhos em casa e foi no supermercado da esquina. Quando retorno a sala parece uma gerra, cheia de almofadas e pipocas caídas no chão. Qual a minha reação diante disso? o que falo para eles?
  • 3- Meu marido chega nervoso com o trabalho, estou cansada porque fiz muitas coisas e não entendo porque ele não arruma aquela gaveta e porta do guarda roupa que está estragada há dias. Vi que ele está nervoso e mesmo assim cobro ele. Ele me responde de forma grosseira. O que eu faço?
  • 4- Vejo meus filhos gritando e brincando alto. Como me dirijo a eles.
  • 5- Arrumei o quarto do meu filho e ficou ótimo! Ele chega da escola e deixa tudo no chão, os brinquedos, material escolar e roupa suja. Qual a minha reação.
  • 6- Ainda moro com meus pais, eles não me entendem, sou calada mesmo, gosto de ficar no quarto estudando e olhando as redes sociais. Minha mãe me pede ajuda com a cozinha e com as coisas da casa. Será que ela não entende que estou cansada? Qual é a resposta que geralmente você dá para ela?
  • 7- Você vê algo na igreja fora do lugar: um copo no chão, uma um piso molhado, o cesto do banheiro derramando… O que você faz.
  • 8- Quando alguém que você ama está chateado e te questiona o que você prefere: argumentar, discutir ou se calar e buscar o momento certo de falar?

Alem disso, podem haver frases com papeis de outra cor que você pode pedir para elas peguem e leiam executem o que a frase manda no encerramento:

  • Procure uma visitante dê um forte abraço e diga algo especial para ela
  • Dê um abraço em três mulheres
  • Diga algo especial para duas mulheres que você conhece
  • Abrace sua irmã da direita

Contextualizando:

Minhã irmã é muito importante sabermos que o que decidimos fazer no dia a dia traz paz ou leva ela pra longe.

É hoje isso vai ficar bem claro conhecendo a História de Abigail. Pois mesmo com as adversidades ela focou no Senhor! O Senhor quer nos capacitar para olhar todas as situações com a visão Dele.

MINISTRAR A PALAVRA.

Após a ministração da Palavra.

Pegar uma caixa com bandeiras de papel branco. Imprimir a seguinte frase digitada no centro da bandeira: A resposta branda desvia o furor, mas a palavra dura suscita a ira( Pv. 15.1)

Colocar a frase no Centro da bandeira

Pedir para que cada uma olhe para a sua bandeira e compreendam a sua missão. Paz é a ausência de conflitos, de brigas. Só Jesus pode nos dar a verdadeira paz que é o bem- estar comigo, com Ele, com quem amo e com quem nem conheço. Minha irmã, Abigail cumpriu a missão dela e foi honrada. Você também tem uma missão!

Minha irmã, pensei que conseguiria redigir todas agora…

Mas de uma fiz três…. É maravilhoso a forma que o Senhor vai agindo…

Ainda não conclui, revisarei esse e farei outro post sobre mais dinâmicas com esse tema tão rico.

Ficou longo, em caso de dúvidas me coloco a disposição para explicar melhor.

Um abraço!

Rosielly Souza

Anúncios

Mulher Pacificadora

Olá minha irmã, espero que tudo esteja bem com você!

Há duas semanas estou estudando sobre a vida de Abigail com o objetivo de aprender mais sobre ela. Além disso, estarei atendendo um pedido de uma líder de mulheres que conduzirá uma reunião com esse tema em outubro. Portanto, estarei fazendo uma síntese dos pontos marcantes que encontrei para redigir a dinâmica. É claro que a Palavra do Senhor se revela de várias formas para cada uma que se propõem a estudá- la, por isso farei apenas uma síntese.

Samuel morreu, e todo o Israel se reuniu e o pranteou; e o sepultaram onde vivia, em Ramá. Depois Davi foi para o deserto de Maom.

Certo homem de Maom, que tinha seus bens na cidade de Carmelo, era muito rico. Possuía mil cabras e três mil ovelhas, as quais estavam sendo tosquiadas em Carmelo.

Seu nome era Nabal e o nome de sua mulher era Abigail, mulher inteligente e bonita; mas seu marido, descendente de Calebe, era rude e mau.

No deserto, Davi ficou sabendo que Nabal estava tosquiando as ovelhas.

Por isso, enviou dez rapazes e lhes disse: “Levem minha mensagem a Nabal, em Carmelo, e o cumprimentem em meu nome.

Digam-lhe: ‘Longa vida para o senhor! Muita paz para o senhor e sua família! E muita prosperidade para tudo que é teu! ’

‘Sei que estás tosquiando tuas ovelhas. Quando os teus pastores estavam conosco, nós não os maltratamos, e durante todo o tempo em que estiveram em Carmelo não se perdeu nada que fosse deles.

Pergunte a eles, e eles lhe dirão. Por isso, seja favorável, pois estamos vindo em época de festa. Por favor, dá a nós teus servos e a teu filho Davi o que puderes’ “.

Os rapazes foram e deram a Nabal essa mensagem, em nome de Davi. E ficaram esperando.

Nabal respondeu então aos servos de Davi: “Quem é Davi? Quem é esse filho de Jessé? Hoje em dia, muitos servos estão fugindo de seus senhores.

Por que deveria eu pegar meu pão e minha água, e a carne do gado que abati para meus tosquiadores, e dá-los a homens que vêm não se sabe de onde? “

Então, os mensageiros de Davi voltaram, e ao chegarem, relataram a ele cada uma dessas palavras.

Davi ordenou a seus homens: “Ponham suas espadas na cintura! ” Assim eles fizeram e também Davi. Cerca de quatrocentos homens acompanharam Davi, enquanto duzentos permaneceram com a bagagem.

Um dos servos disse a Abigail, mulher de Nabal: “Do deserto, Davi enviou mensageiros para saudar o nosso senhor, mas ele os insultou.

No entanto, aqueles homens foram muito bons para conosco. Não nos maltrataram, e, durante todo o tempo em que estivemos com eles nos campos, nada perdemos.

Dia e noite eles eram como um muro ao nosso redor, durante todo o tempo em que estivemos com eles cuidando de nossas ovelhas.

Agora, leve isso em consideração e veja o que a senhora pode fazer, pois a destruição paira sobre o nosso senhor e sobre toda a sua família. Ele é um homem tão mau que ninguém consegue conversar com ele”.

Imediatamente, Abigail pegou duzentos pães, duas vasilhas de couro cheias de vinho, cinco ovelhas preparadas, cinco medidas de grãos torrados, cem bolos de uvas passas e duzentos bolos de figos prensados, e os carregou em jumentos.

E disse a seus servos: “Vocês vão na frente; eu os seguirei”. Ela, porém, nada disse a Nabal, seu marido.

Enquanto ela ia montada num jumento, encoberta pela montanha, Davi e seus soldados estavam descendo em sua direção, e ela os encontrou.

Davi tinha dito: “De nada adiantou proteger os bens daquele homem no deserto, para que nada se perdesse. Ele me pagou o bem com o mal.

Que Deus castigue a Davi, e o faça com muita severidade, caso até de manhã eu deixe vivo um só do sexo masculino de todos os que pertencem a Nabal! “

Quando Abigail viu Davi, desceu depressa do jumento e prostrou-se perante Davi, rosto em terra.

Ela caiu a seus pés e disse: “Meu senhor, a culpa é toda minha. Por favor, deixa a tua serva lhe falar; ouve o que ela tem a dizer.

Meu senhor, não dês atenção àquele homem mau, Nabal. Ele é insensato, conforme o seu nome significa; e a insensatez o acompanha. Contudo, eu, tua serva, não vi os rapazes que meu senhor enviou.

“Agora, meu senhor, juro pelo nome do Senhor e por tua vida que foi o Senhor que o impediu de derramar sangue e de vingar-se com tuas próprias mãos. Que teus inimigos e todos os que pretendem fazer-te mal sejam castigados como Nabal.

E que este presente que esta tua serva trouxe ao meu senhor seja dado aos homens que o seguem.

Esqueça, eu te suplico, a ofensa de tua serva, pois o Senhor certamente fará um reino duradouro para ti, que travas os combates do Senhor. E em toda a tua vida, nenhuma culpa se ache em ti.

Mesmo que alguém te persiga para tirar-te a vida, a vida de meu senhor estará firmemente segura como a dos que são protegidos pelo Senhor teu Deus. Mas a vida de teus inimigos será atirada para longe como por uma atiradeira.

Quando o Senhor tiver feito a meu senhor todo o bem que prometeu e te tiver nomeado líder sobre Israel,

meu senhor não terá no coração o peso de ter derramado sangue desnecessariamente nem de ter feito justiça com as próprias mãos. E, quando o Senhor tiver abençoado a ti, lembra-te de tua serva”.

Davi disse a Abigail: “Bendito seja o Senhor, o Deus de Israel, que hoje a enviou ao meu encontro.

Seja você abençoada pelo seu bom senso e por evitar que eu hoje derrame sangue e me vingue com minhas próprias mãos.

De outro modo, juro pelo nome do Senhor, o Deus de Israel, que evitou que eu lhe fizesse mal, se você não tivesse vindo depressa encontrar-me, nem um só do sexo masculino pertencente a Nabal teria sido deixado vivo ao romper do dia”.

Então Davi aceitou o que ela havia lhe trazido e disse: “Vá para sua casa em paz. Ouvi o que você disse e atenderei o seu pedido”.

Quando Abigail retornou a Nabal, ele estava dando um banquete em casa, como um banquete de rei. Ele estava alegre e bastante bêbado, e ela nada lhe falou até o amanhecer.

De manhã, quando Nabal estava sóbrio, sua mulher lhe contou todas essas coisas; ele sofreu um ataque e ficou paralisado como uma pedra.

Cerca de dez dias depois, o Senhor feriu a Nabal, e ele morreu.

Quando Davi soube que Nabal estava morto, disse: “Bendito seja o Senhor, que defendeu a minha causa contra Nabal, por ter me tratado com desprezo. O Senhor impediu seu servo de praticar o mal e fez com que a maldade de Nabal caísse sobre sua própria cabeça”. Então Davi enviou uma mensagem a Abigail, pedindo-lhe que se tornasse sua mulher.

Seus servos foram a Carmelo e disseram a Abigail: “Davi nos enviou a você para levá-la para tornar-se mulher dele”.

Ela se levantou, depois inclinou-se rosto em terra e disse: “Aqui está a sua serva, pronta para servi-los e lavar os pés dos servos de meu senhor”.

Abigail logo montou num jumento e, acompanhada por suas cinco servas, foi com os mensageiros de Davi e tornou-se sua mulher.

1 Samuel 25:1-42

Lendo o texto bíblico fica bem claro que Abigail tinha sua vida embasada em princípios e ela não se importava com fatores externos porque sabia o que era certo e errado diante do Senhor. Por isso, ela foi honrada.

Ocorreu um conflito sério entre Nabal e Davi, mas ela foi prudente e corajosa sabendo intervir no momento certo. Com isso, ela evitou que Davi pecasse, evitou a morte do seu marido e também cuidou de Davi e de seus homens. Além disso, ela foi grandemente honrada no final.

Fica nítido que ela foi apaziguadora, sabia, sensata… ela era formosa também. Sabemos que quando uma serva do Senhor tem essas qualidades ela se torna mais bonita não só de coração, mas por fora também, devido a presença do Senhor no olhar dela.

Ela transmitia a paz. Ela sabia quem era o Senhor, sabia que Ele era o centro da vida dela e que quando ocorresse algum problema Ele a carregaria no colo.

Ela desejava estar na presença do Senhor. A passagem bíblica dá para perceber que ela não se desesperou com aquela dificuldade. Mesmo tendo um marido muito difícil. Imagine quantas coisas ela já tinha passado com aquele marido difícil. Ela sabia que o Senhor estava com ela.

Ela confiou de verdade no Senhor. O foco principal para ela era o Senhor. Diferente de algumas mulheres que focam outras coisas: filhos, trabalho, estudos, namorados, luta pelo corpo perfeito e melhora da aparência. Quando não se tem o Senhor em primeiro lugar os problemas se tornam imensos.

Devido a sua atitude de amor e temor, nosso Deus transformou uma mulher simples em rainha.

Falar de Jesus é fácil, mas será que de fato estamos parecidas com Ele? Será que na hora de conflitos e dificuldades eu promovo a paz ou a discórdia? Realmente sei me calar e falar com fase nos princípios Dele?

Jesus é o Príncipe da paz, devemos ser pacificadoras e Abigail é um exemplo bem atual sobre como devemos agir. Deve haver um desejo crescente em nós de nos parecer com o Senhor e devemos semear a paz por onde passarmos. Já pensou em como sua família te vê? Como você realmente é? Os anos estão passando e será que você realmente está se deixando transformar? Ou está do mesmo jeito?

Minha irmã que essas palavras possam entrar no coração.

No próximo post trarei 3 sugestões de dinâmicas de introdução e a de finalização.

Um abraço! Rosielly Souza

A oração e a imaturidade

Olá minha irmã! Estou terminando de fazer um estudo sobre oração. Se eu pudesse te pedir algo nesse momento tendo a certeza que você faria te pediria para orar de verdade!!!

Muitas mulheres se encontram vítimas de problemas, dificuldades, carregando fardos pesados demais e muitas aflições.

Muitas pensam estar próximas do Senhor por vários fatores: são líderes na igreja, vão duas vezes por semana aos cultos, participam dos eventos, procuram mudar as condutas sendo pessoas melhores… Tudo isso é necessário, pois devemos estar em comunhão e buscando aprender com o Senhor…

“Se deixamos a oração fora da lista de deveres é como se estivéssemos deixando Deus de lado…” ( Edward M. Bounds)

Se a gente só faz de conta que ora, não tira tempo e não se dedica ao Senhor é como se negássemos a presença dEle. Minha irmã isso é forte demais!!!

Então a ausência de oração diminui as forças, deixa a fé muito fraca e o Senhor fica de fora de tudo, pois Ele deixou de ser convidado.

“Ninguém é tão grande, tem uma posição tão elevada ou graça para ser isento da obrigação de orar”.(‘Edward M. Bounds)

Portanto, somente você é o Senhor sabe como está sua busca… se está superficial ou não…

Mesmo assim, é importante compreender que o amor, a sabedoria, a vida de oração só será aumentado com a busca constante.

Muitas de nós tem uma visão errada sobre intimidade com Deus!

É muito mais fácil ir para o quarto tirar o tempo de oração quando se sabe que tem alguém em casa vendo que você está indo é é uma mulher de oração…

Difícil é buscar no secreto quando não tem ninguém olhando. Isso também acontece na igreja e em tantos lugares…

O Senhor merece muito mais!!! Te convido a refletir e orar para que Ele te use como mulher de Deus! Na verdade poucas estão dispostas a compreender o que Ele realmente quer.

Deus te abençoe!

Bom fim de semana!!!

Rosielly Souza

Essa é a receita pra quase tudo…

Olá minha irmã! Após escrever de forma mais detalhada sobre identidade e a importância de enxergar o outro de forma empática agora vamos falar sobre a fórmula da comunicação para se evitar conflitos.

Quando digo fórmula é porque é fórmula mesmo! Não tem como ser mal interpretada se você seguir os quatro passos ensinados na comunicação não- violenta.

O Senhor te conhece e sabe sua capacidade de mudança e transformação. Jesus é nosso maior exemplo de amor, de como se comunicar e se colocar no lugar do outro. Não adianta termos um ” discurso” cristão lindo e não fazermos a diferença…

Nosso objetivo deve ser amadurecer no Senhor, buscar mudança de vida através da intimidade com Ele e querer ir para o céu no dia que Ele chamar. Não dá pra viver o evangelho da boca pra fora.

Então Deus nos dá estratégias para melhor comunicação. Tenho certeza que Ele inspira as pessoas como foi o o Psicólogo Marshall Rosenberg. Esse psicológo criou a teoria da comunicação não violenta em 1961. Ele se especializou em psicologia social, estudou as religiões comparando com suas vivências pessoais.

11

Como já falei algumas vezes: precisamos aprender a escutar para entender e não para responder. Sempre que escutamos ou vemos algo nossa tendência é fazer julgamentos.

Então a tendência é sempre jogar uma frases do tipo: Você não me entende. Você nunca… você não…você é… você tem que ser mais…

É preciso aprender a observar mais, pensar e depois buscar a sabedoria no Senhor para agir. Portanto é aí que está a chave de tudo!

A Linguagem não violenta fala sobre compreender o FATO EM SÍ. E existem os quatro passos para fazer isso. Com certeza se você compreender isso te garanto que sua vida mudará para melhor a partir de agora.

1- OBSERVAR O FATO SEM JULGAR. Você viu o problema. Se prenda apenas ao que você viu,

Exemplo: Você organizou a casa de forma impecável, daí seu marido chega com seus filhos. Você sai para ir ao supermercado e quando você retorna está tudo desorganizado. O quarto dos filhos com todos os brinquedos no chão. A sala está com as almofadas no chão uma bagunça só. O que você faz?

2- SENTIMENTO: O que você sentiu com o fato: mágoa, assustada, alegre, raiva, irritada, tristeza, .Saber e falar sobre isso não demonstra fraqueza e sim desarma uma reação.

Exemplo: Ao ver a bagunça você pára e observa o que está fora do lugar. Daí você identifica o que está sentindo. Será que é raiva ou você está chatiada porque arrumou tudo e eles não valorizaram. Qual seu sentimento?

Exemplo: Como você abordaria nesse caso? Seria assim: Filhos, estou vendo que o quarto está com os brinquedos no chão. Vocês viram que eu arrumei, porque você merecem o melhor. Além disso, tenho medo de você tropeçarem nos brinquedos e se machucarem.

3- RECONHECER A NECESSIDADE: Valores, desejos que geram esses sentimentos, ordem, limpeza, respeito, inclusão,

Amor, eu vi que tem as almofadas e as coisa da sala estão no chão, Eu tinha organizado pra ficar um ambiente bom pra nós.

Exemplo: Filhos, vocês podem guardar os brinquedos por favor.

4- FAZER O PEDIDO: me ajuda a fazer isso? Você pode? Eu preciso de…

Amor você me ajuda a manter a sala organizada por favor.

Também quando você fizer o pedido não significa que eles vão fazer, mas já é um grande começo porque eles verão que você mudou.

Minha irmã, é claro que Deus vai te dar sabedoria para saber observar sem julgar, pois devemos buscar melhorar.

No próximos posts estarei dando mais exemplos concretos.

Lembre- se: Em 2019 temos que buscar amadurecer. Um abraço! Rosielly Souza

Meu pai deixou de ser meu Herói

Olá minha irmã! Compartilho esse vídeo com você!

Ele fala sobre a importância do pai na formação de uma mulher e forma que a menina enxerga o pai. Além disso, fala sobre as influências do mal que tentam destruir essa relação.

Se você tem filha é importante. Se ainda não tem também será ótimo.

O Senhor nos dá oportunidades de refletir sobre nossos passos e decisÔes

Se esforçar para se colocar no lugar do outro

Olá minha irmã! Todos os dias o Senhor nos dá oportunidades de amadurecimento através da busca de intimidade com Ele. Além disso, Ele nos ensina e nos molda para nos relacionarmos com as pessoas e fazermos a diferença na vida delas. Por isso, é muito importante compreendermos o que é empatia.

Mas antes de falar sobre empatia, gostaria de enfatizar que Jesus deve ser nosso espelho. Devemos desejar todos os dias amadurecer na intimidade com ele e mudar nossa visão sobre nossos relacionamentos e as fases da nossa vida. Buscar sabedoria para entender as pessoas como elas são, sem pre- julgamentos é muito importante!!! Na verdade essa é a parte mais difícil porque exige esforço diário para se ter maior intimidade com o Senhor e tomar consciência de quem somos sem máscaras.


Alguns preconceitos e estereótipos estão tão impregnados na sociedade que mal paramos para pensar o quanto eles tomam conta das nossas vidas e prejudicam os outros. O fotógrafo norte-americano Joel Parés resolveu retratar os que são mais representativos nos EUA e mostrar como eles, muitas vezes, não condizem com a realidade.
Nesse projeto, chamado de Judging America, ele mostra duas imagens de uma mesma pessoa. Na da esquerda, ela está caracterizada de acordo com os estereótipos que são relacionados à sua aparência, etnia, orientação sexual e condições econômicas, enquanto na da direita, ela mostra como ela é na vida real.

Veja algumas fotos tiradas pelo fotógrafo, o link abaixo tem mais fotos com o endereço da matéria:

FONTE:
http://www.virgula.com.br/comportamento/fotografo-mostra-estereotipos-norte-americanos-como-forma-de-critica-ao-preconceito/#img=1&galleryId=53279

Então minha irmã, achei melhor “ir mais longe”, procurando essas fotos para te mostrar que o pré- julgamento está impregnado em nós. A tendência sempre é julgar pela aparência. Várias vezes olhamos para as pessoas e achamos que sabemos o que ela está pensando. Mas saber o que o outro está pensando é impossível.

Além disso, Você já entrou em uma loja de shopping sem estar bem arrumada e percebeu que os vendedores acharam que você não iria comprar nada? Esses dias atendi no hospital uma mulher que chegou de roupa bem simples, ela passou mal na rua e o SAMU a levou para o hospital. Peguei a bolsa simples dela para conferir os pertences, ao abrir descobri que ela era uma juiza.

Voltando as fotos acima: As fotos a esquerda se referem ao que muitos pensam sobre: aparência, etnia, orientação sexual e condições econômicas ao ver uma pessoa. As fotos da direita, mostram como ela é na vida real. Então dá pra perceber que julgar pela aparência é um grande erro?

Nas fotos imagine se mulher estivesse de vestido bem curto, o segundo homem sem a corda na mão e o terceiro sem as armas é claro. Qual seria sua receptividade se eles te procurassem para buscar uma orientação. Qual seria sua primeira impressão?

Você consgue imaginar um pouco como seria a história deles?Como será que foi a vida das pessoas da esquerda? Estudaram? Tiveram ótimos pais? Foram bem na faculdade? Trabalham com o que? São da igreja? São esforçados?Praticam alguma atividade física?

E as pessoas das fotos a direita? Qual seria sua receptividade? Será que eles estudaram em escolas públicas? São ricos? Sabem trabalhar em equipe? São falsos? São tementes ao Senhor? O que será que fazem da vida?

Então é preciso amadurecer, pois Jesus é nosso maior exemplo e nos ensina o tempo todo que olha o coração. Devemos aprender a olhar com o coração. Temos que parar de achar que sabemos tudo e melhorar o relacionamento com pessoas que não conhecemos e com as pessoas que mais convivemos e amamos.

Fui tão longe nas comparações para te dizer que é necessário mudar a visão das coisas e por isso resolvi falar com você sobre empatia. Senão não será possível compreender o próximo post.

Existem várias possibilidades, suposições e pré- julgamentos que temos sobre várias pessoas e situações. Infelizmente a verdade é que erramos muito com isso. Erramos até sobre nós mesmas. Muitas vezes não sabemos nem interpretar nossos sentimentos e nem sabemos o que queremos. Muitas vezes damos valor demais para alguns pontos positivos que temos e desconsideramos quantas coisas devemos melhorar ainda.

Muitas mulheres tem tanta dificuldade de relacionamento em casa. Muitos maridos também estão cansados e ficam enrolando para chegar em casa mais tarde. Muitos filhos se trancam nos quartos. Por isso, é importante mudar em casa primeiro e aprender observar mais.

Devemos parar de ouvir para falar e argumentar. Devemos começar a ouvir buscando compreender o outro. E essa é a missão que o Senhor nos entregou. Devemos buscar sabedoria e entender o significado de empatia para colocar em prática.

O dicionário explica que empatia é o ato de se colocar no lugar do outro. Na verdade o conceito mais correto é o “esforço” de se colocar no lugar do outro. Por mais que a gente tente se colocar no lugar do outro não é possível. Não tem como medir a dor, o medo, a falta, a euforia, a alegria, a fé. Mas ao se colocar a disposição de servir e ajudar o outro você estará exercendo a empatia.

Minha irmã, o Espírito Santo nos convida a prestar atenção nas coisas que estão nos irritando. É necessário que Jesus caminhe conosco e aprendamos olhar as coisas como Ele nos ensina. Então esse é o desafio! Se você entende que tem sua identidade formada em Deus, tem sua história e compreende que o outro também tem…É preciso que você amadureça e aprenda regras para evitar discussões desnecessárias e realmente viva o melhor que o Senhor tem pra sua vida.

Se você conseguir fazer o que será proposto no próximo post, tenho certeza que todos em sua casa serão mais felizes. Lembre- se: nosso objetivo é viver bem enquanto estamos por aqui nessa terra, devemos amar conforme o Senhor nos ensina e no final estaremos com Ele face a face. Sem mudança de vida, só restará sofrimento e uma falsa sensação de que se conhece a Jesus. Com Jesus deve haver transformação diária de vida! Muitas mulheres acham que são transformadas, mas pioram a cada dia.

Jesus nos dá diariamente a chance de repensar e recomeçar, então já está na hora de amadurecer, porque o tempo passa Ele tem misericórdia, mas muitas vezes os erros que cometemos trazem muitas consequências terríveis para a visa inteira. Pense nisso!

Um abraço! Rosielly Souza

Quem é você?

Olá minha irmã, para falar sobre quais passos devemos seguir para melhorar os relacionamentos e a comunicação, primeiro gostaria de ressaltar o seguinte: para entender o outro primeiro você tem que saber quem você é.

É bom compreender que a sociedade determina quem você é pelo que você faz ou possui, mas o Senhor te conhece como você é. Ele conhece nossa essência real e nada pode mudar isso. Nos conhece e sabe até onde podemos ir, nos capacita para aprender e melhorar a cada dia.

Então, muitas mulheres não sabem falar realmente quem são ou até nunca fizeram essa reflexão. Você já pensou sobre isso?

Vou te dar um exemplo baseado em mim: Quem sou eu? Tenho 43 anos, sou enfermeira, mãe de uma filha de 11 anos, sou a esposa do Pr. Gleidson, sou pastora. Simples não é? Mas na verdade quando vou falar de mim não sou apenas isso. Quando penso em quem sou devo me lembrar de tudo que vivi até aqui, inclusive minhas qualidades e defeitos.

Olhando o meu exemplo você consegue falar sobre quem você é? Pensar nas sua qualidades e defeitos? É engraçado que nossa tendência é exacerbar(aumentar) nossas qualidades e defeitos..

Por isso, nunca podemos esquecer de onde viemos e onde Deus nos colocou, nossa história, tudo que vivemos e ainda vamos viver na presença Dele. Ele fez grandes milagres em nós e tem grandes promessas, pois devemos melhorar a cada dia mais até chegar o dia em que iremos morar com Ele e o veremos face a face.

É muito importante compreender o que é identidade porque somos diferentes. Mesmo se eu e você vivermos a mesma situação no mesmo lugar com certeza poderemos ter percepções diferentes e guardar na memória coisas diferentes. Isso acontece porque identidade é o conjunto das seguintes coisas: impressão digital, história, cor dos olhos, sonhos,família, situações que vivemos, esportes que pratiquei, viagens, medalhas, notas, profissão, entre outras coisas, conhecimento adquirido, preconceitos, empatia, todas as decisões que tomei na vida e inclusive as que não tomei…

Então, entendendo quem eu sou, que sou fruto de um projeto maior de Deus ficará muito mais fácil compreender que todas as pessoas que eu convivo e discuto tem uma identidade e vivência diferente da minha.

Inclusive em um post futuro podemos falar sobre nossa identidade em Deus, com passagens bíblicas, e como Ele sonhou conosco antes mesmo de estarmos no ventre de nossa mãe. No momento, quero muito que você entenda: quem realmente você é, quais são suas potencias(qualidades) e falhas(defeitos) e que todos tem uma identidade.

Com certeza, reconhecer e compreender isso pode ser um grande passo na sua vida e porque o Senhor te capacitará para buscar Nele mais paciência e sabedoria para compreender que na maioria das vezes as pessoas olham as mesmas coisas que você vê, mas de outro ângulo de acordo com a identidade.

Novamente o post está ficando longo… Então te convido a orar ao Senhor da sua maneira, mas não se esqueça de pedir para que Ele te ilumine para se lembrar de quem você é, quais são seus pontos fortes e fracos. Inclusive você pode anotar para colocar em seus alvos de oração. Também peça à Ele que te dê discernimento para ver as pessoas além da aparência buscando compreender a identidade delas.

Por favor, faça isso! Te peço porque sei que será muito bom para você e isso pode mudar tudo. Jesus sempre olhava as pessoas com amor, porque Ele via além, e é isso que Ele quer nos ensinar.

Então sabendo quem você é ficará mais fácil ter a verdadeira felicidade no Senhor, pois Ele sim sabe como você está e o onde você pode chegar.

Um abraço! Deus te abençoe!!!

Rosielly Souza